quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Ankhy: Banda explica conceito lírico do álbum Prologue

Disco de estreia do grupo está disponível em todas plataformas digitais


O Ankhy lançou o álbum Prologue, que marca a evolução e amadurecimento musical da banda surgida em meados de 2012. O grupo curitibano disponibilizou o álbum nas principais plataformas digitais, e vem obtendo grande repercussão. A banda planeja entrar em 2018 realizando shows de divulgação e pretende novos lançamentos.


A música do Ankhy vem conquistando o público, mas o conceito lírico demanda maior análise. O guitarrista Felp Bagatin explica a temática de todas as músicas de Prologue:


Helius (The City of Sunrise)
Essa música é a primeira de uma trilogia que envolve um cenário fantasioso, onde uma guerra está prestes a se iniciar no reino de Synx. Aqui nós vemos o povo da capital (Helius, a cidade solar) sendo escravizado por um mago que tem o poder de influenciar o rei que governa a cidade. Temas como união e liberdade são os pontos fortes da música.


Lunius (The City of Shadows)
Continuação direta da primeira, aqui damos sequência a história com a cidade lunar,
um vilarejo afastado da capital de Synx. Ela fala sobre os sobreviventes de uma fuga armada por uma sacerdotisa que era apaixonada por um dos rebeldes da cidade de Helius, morto durante uma rebelião. Com vingança nos olhos, a sacerdotisa conhecida
como "dama de preto" decide se vingar de toda a cidade solar. Temas como destino e acreditar em si mesmo alicerçam a letra.


Ways to Oblivion
A faixa que encerra a mini história sobre o reino de Synx. Fala sobre arrependimento e a redenção da sacerdotisa em relação ao povo inocente de Helius, e sobre os possíveis caminhos que nós podemos seguir em nossas vidas, onde cada decisão implica em uma consequência futura.


In The Name of Gold
Essa é uma faixa instrumental, mas que serve como introdução da música que vem a seguir.


Slave to The Gold
A letra questiona o poder e controle do dinheiro sobre a sociedade. Ao mesmo tempo que tem sido uma alavanca para nossos avanços tecnológicos, o dinheiro financia a guerra e motiva atos de destruição.


Unleash The Serpents
Essa música fala sobre os vários pensamentos que passam pela vida de uma pessoa,
como se existisse um anjo e um diabo em cada ouvido dizendo o que você deve
ou não fazer. E acima de tudo, sobre o livre arbítrio em relação as decisões de nossas vidas.


You Make Your Maker
Trata-se de uma crise de fé. Um influenciador se vê duvidando de sua própria fé no divino, gerando uma revolução em um tempo em que o poder político e a religião andavam de mãos dadas


War Of The Gods
Reconta uma lenda antiga da mitologia egípcia, em que o deus chacal Seth mata seu próprio irmão Osíris para tomar o controle do mundo. Algum tempo depois, o filho de Osíris, Horus, desafia seu tio usurpador para vingar seu pai e tomar de volta o controle do mundo. A música tem como foco a batalha entre Horus e Seth.


All Men Must Die
Essa música é inspirada na série de TV Game Of Thrones. Mesmo sem citar nomes,
faz referência e homenagem a uma das protagonistas da série, Daenerys Targaryen.


Prometheus
Baseada nas obras do diretor cinematográfico Ridley Scott e inspirada pelo filme Prometheus, a faixa acompanha a busca da humanidade pelos seus criadores. Acreditando que as respostas se encontram no céu, o homem explora o espaço em busca de respostas.


Prologue of the Last Dark Age
Tem como referências obras literárias como A Divina Comédia, A Batalha do Apocalipse, A Jornada do Herói e a própria Bíblia cristã. Prologue of the Last Dark Age é a introdução de uma história original, um prólogo, como o próprio título afirma: O começo de uma guerra entre bem e mal, céu e inferno. O homem se encontra no meio, em uma zona cinzenta sem saber se existe o certo e o errado, já que é da natureza humana ser uma criatura de ambiguidades.


O Ankhy é formado pelo vocalista Matheus Motta, os guitarristas Felp Bagatin e Olek Nowakowski, o baixista Caio Vidal e o baterista Markos Franzmann.


O álbum Prologue está disponível nas principais plataformas digitais para audição online e download pago.








Fonte: Acesso Music/Clovis Roman

Um comentário:

  1. Banda fantástica. Parabéns para os guris!
    Revelação de 2017!
    Quero comprar a mídia física, mas não encontro. :/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...