quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Velorium: banda disponibiliza sua demo "Honras em Sacrifícios Humanos" para Download no site La Migra

 
A banda de Funeral Black Metal Velorium, disponibiliza no dia de hoje a sua demo "Honras em Sacrifícios Humanos" para download no site La Migra. Formada em outono de 2004, com a proposta de composição que declaram os mais mórbidos cânticos de desespero do ser humano, nas mais diversas situações em que o ser cai em agonia, restando apenas as saudades e eternos lutos. Assim nasce o triunfante Velorium diante da sua majestade depressiva.

Vindo da cidade de Pedro Leopoldo/MG a banda ficou por um grande tempo escondida no meio do submundo obscuro, reservada aguardando o momento certo para o grande despertar, pois após três longos anos esse quarteto fúnebre se ergue com uma grande formação destruidora, comunicando ao mundo que os seus novos cânticos estão em lagrimas, todos estão perdidos sobre novas melodias e cantigas deprimentes que retorcem ao grande tumulo, grandes composições voltando a sentir o peso das guitarras e a tensão de seus baterias se envolvendo diante de gritos de solidão, que podem despertar até os mais adormecidos diante de uma e-coalização epifania nas paredes de um quarto de velório.

No último dia 17/09/2016 a banda retorna aos palcos se apresentando na grande Virada do Metal, antes disso fizemos um pequeno bate pato com Tiago Magno, conversamos sobre o início da banda e sobre como está o retorno aos palcos.

 

Antes de começar a sua leitura acesse a página de downloads do Site La Migra e baixe agora esse material:

Em que ano foi lançado o álbum "Honras em Sacrifícios Humanos"?
Tiago Magno: Esse play é de 2009, passamos por alguns problemas de formação e só de 3 anos para cá que encontramos uma formação interessante para dar sequência ao trabalho de forma coesa.

De lá para cá nenhum material foi lançado?
Tiago Magno: Não, estamos gravando a 3 meses. Eu montei a banda em 2004 como um projeto “One Man Band”, mas como seria muito difícil resolvi montar uma banda, até mesmo porque eu não toco batera rs

Vocês estão mantendo a mesma linha de 2009 ou muita coisa mudou?
Tiago Magno: Só em 2009 que fizemos show, inclusive o primeiro foi em SP, na Fofinho. Cara, nossos sons se mantem denso e trevoso, basicamente as letras falam de solidão.

Vocês são de onde?
Tiago Magno: Pedro Leopoldo, do lado de BH.

Muito bom, a cena de BH, ela é sempre lembrada não é
verdade?
Tiago Magno: BH é foda. A atmosfera é louca, quando tocamos lá é uma energia fantástica e caótica. Pessoal quando vem tocar por aqui pira ahahah

O Show da Virada Metal do dia 17/09 é um retorno aos palcos ou antes disso a Velorium já vem fazendo shows?
Tiago Magno: Se eu não me engano, nosso último show foi com o Mistifyer em 2013, paramos os shows para concentrarmos em novas composições, desde então se passaram 3 anos só ensaiando.

Quais são as expectativas para a Virada Metal? Um retorno extremamente grandioso depois de 3 anos fora do palco.
Tiago Magno: Pow, está demais rs. Os caras já estavam na pilha para tocar. Vai ser um recomeço bem massa. Um fest deste tamanho, com 31 bandas, vai ser destruidor.

E como anda a cena de Pedro Leopoldo? Existe algum Fest residente na cidade?
Tiago Magno: Cara, PL já foi forte. Galera toda unida, muitas bandas na cidade, consequentemente vários eventos. De 10 anos para cá estamos tentando reconstruir o que foi perdido com o tempo. Em 2003 montamos o Érebo (Death Metal), já ouviu falar?

Não, me fale mais.
Tiago Magno: É uma banda de death metal, também lançamos uma demo em 2004
Viajamos bastante para tocar de 2004 a 2006... em 2007 o batera saiu e com isso nós paramos, fizemos um show em 2008 se eu não me engano, só em 2011 mais o menos que ele voltou... mas desde então os ensaios são raros. Fizemos alguns shows em 2013 depois nunca mais.

Érebo ainda está na ativa?
Tiago Magno: Está, mas os ensaios são raros. Tudo a seu tempo.

Vocês já têm uma ideia de quando sai o material novo?
Tiago Magno: O Velorium espero que o mais breve possível. Estamos gravando 2 sons, em breve estaremos lançando.

Quais os Plano Futuros? 
Tiago Magno: Depois que lançarmos as músicas, pretendemos fazer uma sequência de shows para divulgar o nosso som e continuar o trabalho para gravar o álbum. Temos muito trabalho e muitas ideias.

O que a cena Underground no geral precisa?
Tiago Magno: União. Acho que a briga por egos está demais, boicotes... pessoal está um pouco sem noção. 
Acho que o underground precisa ser unido, até uns 10 anos atrás, os shows eram lotados, thrash, death, black, heavy, grind todos juntos em prol do movimento... E também um mínimo de profissionalismo. As bandas precisam de uma estrutura legal para mostrar seu trabalho, consequentemente espera-se uma qualidade melhor das bandas. Acho que tudo é consequência.

Obrigado pelo papo, vamos continuar a nossa luta pelo som extremo.

Confira agora esse bate papo completo:

Fonte: Coletivo La Migra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...