sábado, 5 de março de 2016

Entrevista:Richie Harald,produtor,músico e idealizador do projeto Alma Sacra Project



Richie Harald, natural do Rio de Janeiro, produtor cultural desde 1994, músico, integrou a banda Fatal Portrait de 93 a 99 e em paralelo ao Alma Sacra Project mantém inativo a Dreamrunner ( Hard Rock) e Underhung ( Heavy) assim como a produtora VIRTUS X


Alma Sacra Project


FMBR: Este projeto é sua carreira solo?

R.Harald: Não! Apenas um projeto que será uma trilogia ( Livro/ CDs)



FMBR: Por que escolher a música?Por que ser baterista?



R.Harald: A escolha da música de minha parte surgiu muito cedo, meus pais eram muito ecléticos  e músicos natos meu irmão ( que na época tinha banda) que me iniciou juntamente com o Festival Rock in Rio I. E de um modo geral  a música como arte eterniza o artista sendo ele famoso ou não.

A escolha em ser baterista era óbvia, eu era muito inquieto, vivia batendo em tudo, em latas, nas mesas da escola, em livros. Tentaram me ensinar baixo, meu pai me deu...
um violão, mas o meu destino era para ser mesmo baterista.




FMBR: Quais são as suas influências?



 R.Harald: Bruno Valverde ( Angra)

 John Bonham (Led Zeppelin)

 Scott Travis ( Racer x, Judas Priest)

 Mikkey Dee ( King Diamond, Motorhead)

 Neil Peart ( Rush).


Mas ao longo dos anos fui conhecendo através de amigos, bateristas de outros estilos, é uma lista enorme, mas estes sem dúvida foram as minhas maiores influências.



FMBR: Qual sua banda ou álbum preferido?



R.Harald: Irei citar quatro:

Iron Maiden - Seventh Son of Seventh

Queensryche - Operation Mindcrime I

Dream Theater - Metropolis Pt. 2: Scenes from a Memory

Rush - 2112

Mas tenho uma lista infinita de outros.



Richie Harald - Foto Ladyhammer
FMBR: Atualmente você se sente realizado(a) ou ainda tem objetivos a serem conquistados?

R.Harald: Eu tenho os três maiores desafios da minha vida a serem realizados  que será lançar a trilogia dos CDS e os livros ( que futuramente serão escritos os livros desta obra) do Alma Sacra Project.



FMBR: Qual o seu maior objetivo hoje?

R.Harald: Ser um empresário do meio musical.



FMBR: O que te motiva?

R.Harald: A paixão pela música!



FMBR: O que você acha da cena do rock/metal no Brasil hoje?

R.Harald: Sou otimista! Digo que sim!! È muito boa! Levando em consideração que hoje a tecnologia nos proporciona certas facilidades que até então no passado não tinham e hoje há várias bandas excelentes surgindo afirmo isto com base na seleção dos músicos que fiz para compor o Alma Sacra  ouvi diversas bandas e cada uma melhor que a outra e músicos extraordinários. O Brasil é um celeiro de músicos fantásticos, o que falta é a união.



FMBR: Se tivesse a oportunidade de tocar em uma banda ou trabalhar com alguém, quem seria?

R.Harald: Essa é difícil... (pensativo) Whitesnake, Avantasia  e o artista Russel Allen e Rob Halford  mas teria uma lista imensa pela frente.



FMBR: Força Metal BR agradece a disposição, confiança e tempo gasto gentilmente para responder a nossa entrevista e deseja muito sucesso!! Deixamos o espaço livre caso queira dizer algo.

R.Harald: Gostaria de agradecer imensamente por nos receber em seu blog, e acreditar no nosso trabalho. E aproveito para pedir a todos amigos e leitores do Força Metal BR  que continuem acompanhando o conteúdo  e divulgando para que este canal seja ainda mais bem  sucedido e alcance vôos bem mais  altos. Sucesso a você Laíse Moreira!

E fica aqui o meu muito obrigado para aqueles que acompanham e todos do Alma Sacra Project.





Por: Laíse Moreira S.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...